Literacia financeira é ter cidadãos instruídos e informados sobre temas e conceitos financeiros básicos e úteis à gestão do dinheiro e orçamento familiar para que possam tomar decisões fundamentadas e acertadas.

Um dos objetivos da Associação Portuguesa de Bancos é, precisamente, o de promover uma maior cultura financeira de que resulte uma melhor utilização dos produtos e serviços financeiros e que conduza a um relacionamento mais transparente entre a banca e sociedade.

As iniciativas desenvolvidas pela APB são realizadas em conjunto com o grupo de trabalho de Educação Financeira da associação – onde estão representados vários bancos associados – e que são dirigidas a vários segmentos, caso do público em geral, jornalistas, crianças e jovens e empresas. A APB é ainda um dos parceiros do Plano Nacional de Formação Financeira (PNFF), uma iniciativa do Conselho Nacional de Supervisores Financeiros, que integra o Banco de Portugal, a CMVM e a ASF. Através desta parceria, a associação apoia várias iniciativas de Educação Financeira.

 

Formação para o Público

A APB desenvolve ações para o público destinadas a contribuir para o reforço dos conhecimentos da população em geral sobre temas relevantes como a poupança, o crédito e restantes temas relacionados com a utilização de produtos e serviços bancários.

Estas ações são normalmente realizadas em parceria com as autarquias, ocorrendo, por regra, em bibliotecas municipais, na cidade de Lisboa. A entrada é gratuita, mediante inscrição prévia.

Conheça o último ciclo de ações de formação realizadas aqui 

Site BPBC

O site “Boas Práticas, Boas Contas” (BPBC) é o primeiro projeto conjunto de Educação Financeira do sector bancário. De cariz pedagógico, faculta aos cidadãos informação útil e acessível sobre os serviços da Banca, através de casos práticos, exemplificativos e realistas, que se assemelhem a situações da vida real de muitas famílias e com as quais as pessoas se possam identificar.

Formação para jornalistas

A crescente necessidade de informação dos meios de Comunicação Social, o desenvolvimento do sector financeiro e a maior sofisticação dos mercados, levaram a APB e os seus Institutos a criar um conjunto de ações formativas que preencham as necessidades de informação dos jornalistas e que contribuam para uma melhor compreensão e interpretação dos temas financeiros e bancários em Portugal.

Por outro lado, e desde o ano letivo de 2011/2012, passaram a ser disponibilizadas duas vagas para jornalistas por cada uma das pós-graduações ministradas no ISGB. A inscrição e a frequência das diferentes pós-graduações são gratuitas para os candidatos que forem selecionados pela APB e pelo ISGB.

As pós-graduações do ISGB conferem unidades de crédito ECTS (European Credit Transfer and Accumulation System) a todas as disciplinas e são lecionadas em regime presencial, em horário pós-laboral. Mais informações em www.isgb.pt ou junto do Gabinete de Comunicação e Imagem da APB.